Home » Geral » Ex-ministra é absolvida em segunda instância em processo contra Frota

Ex-ministra é absolvida em segunda instância em processo contra Frota

Eleonora Menicucci declarou que o ator fez apologia ao estupro

Por Juliana Moraes, do R7

25/10/2017 00:19
Ex-ministra saiu vitoriosa nesta terça-feira (24)
Ex-ministra saiu vitoriosa nesta terça-feira (24)Montagem R7: Elza Fiúza/02.06.2015/Agência Brasil e Reprodução/Twitter

A ex-ministra de Políticas para Mulheres no governo Dilma Rousseff, Eleonora Menicucci, foi absolvida em julgamento em segunda instância, nesta terça-feira (24), da condenação de ter que pagar R$ 10 mil de indenização por danos morais para o ator Alexandre Frota.

Em maio de 2016, Menicucci fez duras críticas durante a visita do ator ao ministro da Educação, José Mendonça Filho (DEM) e declarou que Frota “não só assumiu ter estuprado, mas fez apologia ao estupro”. A ex-ministra fez referência a uma entrevista de 2015, em que Frota diz ter praticado sexo sem consentimento com uma mãe de santo. Por tais declarações, o ator processou a ex-ministra.

Publicidade: DIVULGUE A SUA EMPRESA E SEU EVENTO NOS CONTRATANDO! – BLOG DO EVANGELISTA – Fone: 89 99407-8908 – Somos “O Jornalismo de Maior Responsabilidade do Interior do Piauí”

 Frota exigia uma indenização de R$ 35 mil e Menicucci foi condenada em maio deste ano, em primeira instância, a pagar R$ 10 mil. Ela recorreu e ganhou por dois votos a um.

O julgamento em segunda instância desta terça-feira (24), foi realizado no Fórum João Mendes, no centro de São Paulo. “Acordam, em Segunda Turma Cível do Tribunal de Justiça de São Paulo, proferir a seguinte decisão: ‘Deram provimento ao recurso. Por maioria de votos. Vencido a relatora.’, de conformidade com o voto do relator, que integra este acórdão”.

Participaram os juízes Luís Eduardo Scarabelli (vencedor), Fernanda Melo de Campos Gurgel Panseri Ferreira (vencida) e Claudia Thomé Toni (Presidente).

O portal R7 tentou entrar em contato com as partes envolvidas, mas até o fechamento da matéria não obteve retorno.

Alexandre Frota, porém, se manifestou por meio das redes sociais sobre o julgamento desta terça e criticou o juiz que votou a favor de Menicucci. “Hoje a abortista terrorista amiga de Dilma Rousseff Eleonora deixou de me pagar graças ao Juiz abaixo ativista gay militante do PT”.

View image on Twitter

View image on Twitter

 Follow

Alexandre Frota

@alefrotabrasil

Hoje a abortista terrorista amiga de Dilma Rousseff Eleonora deixou de me pagar graças ao Juiz abaixo ativista gay militante do PT.

Twitter Ads info and privacy

José Evangelista – Jornalista – MTB nº 1927/PI – jose@blogdoevangelista.com.br – Fone: 89 99407-8908 Whatsapp

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *